2 de fevereiro de 2010

Saudades

Ah!... Que saudades,
da vida e da lida
do velho evangelho
de vir e sorrir
e não ter mais que partir...
Saudades do tempo
passado e amado
de um futuro sonhado
e do sonho roubado
Saudades do encanto
e dos risos escondidos,
de me encolher no meu canto
e cobrir com Teu Manto
meu coração tão ferido
Ah que saudades doída
da vida...que lida
que mistura e ajunta
a dor da fissura
e o amor sem frescura.

6 comentários:

  1. Oi minha linda, como vocês estao?

    Nao sei porque a gente nao tem saudades do futuro, rs, claro, ele só é desejado, mas ainda nao vivido.

    Um grande beijo

    ResponderExcluir
  2. Saudade
    sentimento insistente
    persistente
    mas
    sem ele
    o que fariamos
    dos amores e da vida
    que já foi vivida
    senão
    sentir
    Saudade

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. olá, Alice.

    Defino Saudade como disperdicio da semantica. Uma palavra tão bonita pra descrever algo tão triste.

    Deus continue te abençoando

    No Amado.

    Ielton Isorro
    http://clamandonodeserto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Linda essa poesia! Muito real mesmo.
    Estou vivendo esse momento de saudade rsrs...
    Como já dizia outro poeta, "A saudade é a nossa alma dizendo para onde ela quer voltar."

    Gostei do seu blog e vou te seguir rsrs...
    Fique à vontade para visitar o meu.

    beijos
    Leny
    http://lenybrito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Amiga, saudades tuas, e destes teus poemas mais lindos!

    beijo carinhoso,

    neli

    ResponderExcluir
  6. Saudade...
    ...nostalgia,são sentimentos um pouco tristes mas que despertam em nós inspiração.
    E inspiração é algo que não lhe falta minha amiga!
    Parabéns!
    beijinhos

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...