8 de fevereiro de 2010

Sonhos Perdidos


A dor que dói na alma
que rasga o peito
que arranca a calma
e que molha o leito
...é a dor do amor partido
quebrado e arrancado
que nos sonhos sonhados
te faz voltar de onde nunca teria ido
...é a dor do sofrido
do abandonado e ferido
é a dor de quem fica
sem nunca ter partido.

6 comentários:

  1. Tantos sonhos perdidos, tanta dor , tanta saudade...
    Em poucas palavras, TUDO!
    Um beijinho!

    ResponderExcluir
  2. Olá Alice!

    Passando para dar um oi...
    Abraço do irmão blogueiro da Paraiba...

    ResponderExcluir
  3. Olá minha linda!

    Gostaria de pedir-lhe algo, pois vou me formar no próximo mês e estou organizando um culto em ação de graça, pois só Deus é digno de toda honrra e glória.

    Peço-lhe um escrito em agradecimento por esse dia, isso é claro se for possível, senão desde já agradeço.

    Caso faça essa gentileza a uma desconhecida que vai creditar em público após lido, a sua autorização.

    Vai algumas informações

    Formação administração
    Amante de Cristo
    Fiel a Deus
    Uma jovem meio inconstante, mas compromissada
    Gostaria que enfatize gratidão.

    Você já leu alguns textos meus no meu blog q é o mesmo email.

    Blog e email: noeliajesus23@gmail.com

    Desde já meu agradecimento.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Que lindo poema!!!
    E que imagem mais adequada...
    vou surrupiar. Pode?

    bjs

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...