3 de outubro de 2007

Oração


hmmmm.... respiro fundo e busco a calmaria...
quem sabe quando a tempestade terminar,
quem sabe quando a paz chegar,
quem sabe quando tudo acabar,
quem sabe quando o sino soar...
hmmmm.....fixo meus olhos no horizonte...
e ainda não consigo ver,
e ainda não posso fazer,
e ainda não consigo reter,
muito menos prever...
hmmmm....e elevo minha voz em uma nova oração...

Pai,
permita-me encontrar o fim de todas as dores,
encontrar a paz em todos os amores,
permita-me ouvir e aprender o que não sei
e ver,sentir e tocar o que preciso,
concede-me a graça do descanso e o bem da segurança,
para que eu possa viver o que me resta e ainda ser feliz.

7 comentários:

  1. Olá Alice, adorei a tua postagem.
    ( Alice o nome da minha Mãe ).
    Parabéns minha querida.´
    Beijinhos,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  2. Esboços amarelecidos pelo tempo
    De um passado ainda presente

    Com a quimica das minhas lágrimas numa bela melodia
    O tinteiro da melancolia sentida enchi

    Beijos querida Alice

    ResponderExcluir
  3. Linda oração!
    Linda forma de escrever.
    Confie... Ele sempre nos ouve e cuida de nós, ainda que não tenhamos sabedoria ainda de perceber isso.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oh Alice Alice, quem diria...Você é um escritora de verdade.
    Um beijo mana.

    ResponderExcluir
  5. passei...
    li...
    parei...
    senti...
    gostei...
    vou voltar :-) ***

    ResponderExcluir
  6. Magnifico post!!

    Uma oração lindissíma... como deveriam ser todas!

    Falar ao Pai... é assim mesmo!

    Meu terno abraço minha amiga.

    Beijinhos da

    Maria

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...