29 de novembro de 2007

Ressurgindo

Hoje eu vou mostrar minh'alma
me lançar ao vento
vou despir minha calma

Hoje vou andar na areia
encharcar a mente
regar a semente
e virar sereia.

Hoje vou me sujar na lama
vou correr na chuva
vou cantar na rua
mas só pra quem me ama.

Hoje vou colorir a vida
vou plantar margaridas
vou te dar guarida
e descansar da lida.

6 comentários:

  1. O que dizer?
    Singelo, puro que vem d’alma!
    Como a vida que flui sem nada exigir e tudo a oferecer...
    Bom dia e paz renova!
    Abs

    ResponderExcluir
  2. Alice,
    graça, paz e bem!

    Um texto que preza pelo conteúdo e pela beleza é sempre bem-vindo.

    Felicidades!

    ResponderExcluir
  3. Que linda foto!!!

    E o texto é também tão delicado...

    Bjos,

    Maya

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...