3 de abril de 2008

Avaliando e escrevendo...

As vezes me canso da vida, e é mesmo uma tremenda canseira na raiz da minha alma. É uma exaustão dos círculos viciosos dos quais nunca consigo escapar, é uma vontade louca de ir embora, daqui, de mim e de tudo... e me pergunto:
Como seria se eu não tivesse feito as escolhas e as renúncias que fiz?
Tenho a sensação que fiz muitas escolhas erradas e renunciei a muitas coisas certas, mas acho que isso é envelhecer.
A vida vai passando e a gente vai avaliando, avaliando... vendo o que não via, sentindo o que não sentia, chorando o que não doía, e avaliando, avaliando...
Não é uma questão de depressão ou de tristeza, ainda que esses sejam os resultados práticos da dor, mas é algo como uma desesperança de tudo, como um buraco sem fundo, como se o último fio da corda que me prende fosse mesmo arrebentar, como se já houvesse decretado em meu destino o "aceitar", o "calar", o "engolir".
Eu eu , vou escrevendo....porque do que gosto na vida, é o que me restou fazer.
Então, escrevo, para quem sabe, alguém ler.

16 comentários:

  1. Nossa, tu escreve bem hem!
    Parabéns!
    E realmente a vida é assim msm!

    Beijão*

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga,

    Esta é a vida, existem momentos que parece mesmo que o último fio da corda vai arrembentar, mas enquanto estamos vivos, ele teima em permancer ali apenas nos assustando, sabe Deus até quando.
    Mas a vida é um eterno renascer, existe sempre um amanhã.
    boa noite
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Eu leio! E com um gosto muito especial, só tenho pena de não poder ouvir as tuas palavras pessoalmente...


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  4. *suspiro profundo...

    Envelhecer é isso tudo? Talvez por isso,então, seja tão difícil encontrar a fórmula da juventude. É tão pesado, são tantas coisas...

    Não sei se é porque eu hoje estou um "cadinho" obesa de sentimentos...

    mas uma coisa é fato: ainda bem que você escreve e eu leio...

    beijos daqui...

    ResponderExcluir
  5. Camilinha ,

    é porque vc lê que eu me animo a escrever.... e envelhecer dói um pocadinho , mas a gente tem que passar por isso não é mesmo ?...
    bjinhusss pra vc

    ResponderExcluir
  6. Profeta.... meu querido e doce profeta das palavras lindas, quem sabe um dia ainda tomamos um café juntos...
    bjussssss

    ResponderExcluir
  7. Ai, ai... Eu leio você, tá?
    E entendo perfeitamente cada dorzinha que você colocou nesse seu texto. Olhar para trás e imaginar que escolhas deveríamos ter feito diferente faz a gente imaginar que nosso futuro poderia ter sido diferente (principalmente quando nosso presente não está bom).
    Não digo que envelhecer dói, mas crescer, certamente.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Bem vinda ao meu mundo, e o pior nele, é sentir que esse ultimo fio está ropendo, por mais vezes do que gostaria...

    eu me conforto em minhas palavras, mas só quando elas ainda fazem sentido, me conforto no tempo, e na realidade tangivel de que não posso mudar o que já foi e ai me encolho em mim e sigo, não sei pra onde e nem por que, só sigo...

    ResponderExcluir
  9. Alice,

    Cecilia Meirelles disse que o instante existe, por isso sua vida está completa. Deixo você com os versos dela:

    "Eu canto
    porque o instante existe
    e a minha vida está completa
    Não sou alegre nem sou triste
    Sou poeta"

    É uma leitura parecida com o que você escreveu...

    ResponderExcluir
  10. Oie amiga...

    Tu és tão especial... Como poderíamos não gostar de ler o que escreves aqui... Eu me delicio com tanto saber e cultura!!!

    Amo vim até aqui.

    Bjs

    Janaína

    ResponderExcluir
  11. Hmn, e vai escrevendo tremendamente bem.
    A vida é cheia de lutas e vitórias, e ás vezes isso é rotina mesmo.
    Mas ainda há esperança em saber que o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem de manhã. Esperemos o amanhecer...
    Grande abraço
    Fik c Deus

    ResponderExcluir
  12. E, agente tem que tirar uma coisa boa dos erros e esquecê-los, a vida é muito curta pra ficar remoendo possibilidades.

    E escrever é uma coisa boa pra se aplicar o tempo. Ainda mais escrevendo bem como você.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  13. Alguém lê, entende e toma para si parte da essência, cheia de significados que serão aproveitados em sua vida. Uma verdadeira troca involutária de experiências.

    Beijo Grande

    ResponderExcluir
  14. Oi,

    É domingo dia de visitar os amigos, dia de gente bonita também.
    bjs

    ResponderExcluir
  15. Ahh Alice...

    Talvez seja isso que nos encanta eu seus escritos. O digo porque certa vez Rubem Alves disse que para escrever é preciso estar meio triste.

    Porém acredito em uma força poderosa de alegria. Ou melhor a própria alegria sendo uma força para você nos momentos árduos, nos momentos de reflexão profunda, nos momentos de angústias.

    Escreva, Escreva! Sempre escreva, eu mesmo já chorei várias vezes enquanto escrevia para o blog...


    Abraços Fraternos
    Fique na Graça

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...