21 de agosto de 2008

TPM


Dentro de mim mora alguém
que não sei se me ama ou se me odeia
não sei se é anjo ou se demônio
mas sei que mora dentro de mim
e me descontrola os hormônios.
Dentro de mim mora alguém,
que sabe amar como ninguém,
mas é tão tímida e tão fechada
que nunca sai de sua morada
nunca se revela apaixonada
nem quando é muito pressionada.
Dentro de mim mora alguém,
que sempre sabe o que fazer
sempre tem o que dizer
nunca para de comer
e jamais se engana com alguém.
É alguém especial e muito diferente de mim
diz não quando quer dizer sim
e diz sim quando tem que dizer não.
Se diverte e me enloqueçe
se alegra e me entristece
e seus conselhos sempre tecem
uma teia de idéias.
Esse alguém mora aqui dentro
e não há o que a faça sair
posso gritar, posso mandar
posso rir ou então chorar
não há o que a faça
desistir de aqui morar.
Dentro de mim mora alguém
que hora é anjo
hora é demônio
ou é louca ou é sábia
muito histérica ou melancólica
depressiva ou efusiva,
é uma mulher que grita...
e uma outra que sussurra...
é TPM é loucura
é TPM e não tem cura !!


... e vai viver com isso !!!

12 comentários:

  1. TPM FICOU TÃO POÉTICO....
    MEU DEUS VCS REALMENTE NÃO SABE O QT NÓS HOMENS AMAMOS ESSE ESTADO, ESSA FASE,ESSE...
    ...SEI LÁ...
    ISSO É O FAMOSO PARADOXO
    TRANSFORMAR MONSTROS EM POESIA
    ISSO É PRA POUCO
    ATÉ PARECE AUGUSTO DOS ANJOS...
    ABRXS.
    TO APRENDENDO COM VC HEIN...

    ResponderExcluir
  2. Ah, eu também tenho essa "outra pessoa" dentro de mim, riso.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. A minha já morreu, graças a Deus...
    Esta é uma as vantagens de envelhecer... Mas você descreveu bem esta fase horrorosa que muitas mulheres passam, mês a mês.
    Sei que o meu marido saia de perto, e eu ficava mais "na minha" para que o estrago não fosse maior, pois nesta fase a gente fica muito irritadiça e as brigas "por nada" ou "por pouco" podem ser catastróficas...

    E na TPM tanto podemos ficar "loucas" como ficar deprimidas, colocando uma lente de aumento em qualquer problema, tornando-o ENORME.

    E ai daquele que falar que estamos na TPM!!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Ai, Alice linda!
    Só você mesmo, pra conseguir poetisar um tema tão duro pra nós mulheres, e pior ainda para quem está à nossa volta...

    “Pois não faço o bem que quero, mas justamente o mal que não quero fazer é que eu faço..."

    Pois é, gostei muito desta parte:

    "Dentro de mim mora alguém
    que não sei se me ama ou se me odeia
    não sei se é anjo ou se demônio
    mas sei que mora dentro de mim
    e me descontrola os hormônios."

    Parabéns, Alice!beijinho carinhoso,
    Neli

    ResponderExcluir
  5. Olá querida Alice, bela descrição da "OUTRA" mulher... LINDOOOOOOO!Votos de bom fim de semana!
    Beijinhos de carinho,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  6. O Chico fez uma letra com a palavra "ticket", a Alice conseguiu poetisar com "TPM", é mole?

    Mas eu não tenho mais isso não.

    ResponderExcluir
  7. Olá querida Alice,

    Acho que nunca tinha lido um poema sobre este tema.

    Achei tão interessante.

    E engraçado tambem.

    Um abraço

    Viviana

    ResponderExcluir
  8. A TPM agradece emocionada os seus versos!
    Você conseguiu dar um ar poético, para esse incomodo que perturba tantas mulheres...

    PARABÉNS!!!

    Beijos de luz e todo o meu carinho, Alice...Um final de semana encantador!!!

    ResponderExcluir
  9. E qual mulher que não sofre com este alguém interior... Valha me Deus, só de pensar já a sinto chegar (risos). Bela postagem Alice!

    ResponderExcluir
  10. Paz e Bom Alice!

    Nós homens também sofremos essas crises paradoxais, pois somos uma só carne com nossas esposas.(risos)
    Duro essa vida de marido...

    Junior
    www.juninhoacura.blogspot.com

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...