30 de agosto de 2009

Alienígenas Humanos ou Invasores Diabólicos ?

Há de tudo nessa vida.
É assombroso o fato de como tudo é realmente possível de ser visto ou testemunhado por nossos olhos e corações, e digo isso não pelos fatos alheios que tomamos conhecimento através de notícias, mas por aquilo que nós mesmos presenciamos em nossos relacionamentos.
Já vi gente de tanta espécie que chego a pensar que não somos uma única raça ( aquela dos tais humanos), mas que entre nós há quem seja alienígena ou de outros "cruzamentos".
Vejo e conheço pessoas lindas, amáveis, queridas, doces, fiéis e amigas, pessoas que desejamos estar ao lado em nossos dia-a-dia, gente que acrescenta e ajuda, gente que a gente sabe que é gente de verdade. mas em contra-ponto também encontro outras "gentes", e que extremamente diferentes, me fazem ver que não é só a gente que está aqui nesse planeta.
O diabo realmente mora ao lado (veste Prada e vem sempre na hora do jantar..rsrsrss).
Vejo gente estranha que vive a vida dos outros sugando valores que não são seus, sugando amores que não são seus, sugando o sangue e a alegria alheia.
Vejo mentiras se transformando em verdades e sendo derramadas por línguas tão venenosas que se tornam inquestionáveis.
Vejo os bons se calando e os maus gritando aos quatro ventos.
Encontro a falsidade de mãos dadas com a inveja e unidas pela mais íntima vontade de destruir e tomar o que não lhe pertençe.
Vejo a vida e a morte escorrendo pelos dedos humanos como se fosse água, se tornando impossível conte-las.
Vejo o controle das situações sendo roubados, amores sendo traídos, mentiras sendo ditas, maldades sendo feitas, gente manipulando gente por diversão, gente matando gente por distração, gente deixando de ser gente por opção.
Há alienígenas entre nós...e eles estão se multiplicando rapidamente.
É gente que veio de um lugar estranho, e que não tem saudade do Éden e muito menos conhece o arrependimento.
É gente destemida e sem medida que te atropela sem fazer sequer um movimento, é gente que tem rabo e chifres escondidos debaixo de suas roupas e cabelos.
O que posso fazer ??? Eles me cercam e todos os dias se aproximam mais e mais !
Quem poderá me salvar ??...diria nosso querido "Chapolim Colorado"....
Temos que ativar as nossas enferrujadas armas contra esses intrusos malfeitores e comedores de criançinhas, ....temos que clamar, crer, orar, pedir incessantemente e todos os dias por nossa proteção a Deus, porque contra esses, a justiça humana nada pode fazer, só Deus pra nos livrar.
Há que ter fé, há que ter muita fé para vence-los e afastá-los , porque destruí-los já vi ser impossível a nós, meros bobocas mortais.
Que Deus nos livre desses tais e nos proteja.

Fica esperto mano, tem gente te olhando e se preparando para ir contra ti.....e isso não é bobeira não, é fato e vida real.
Eu poderia chamá-los de filhos do diabo, perversos ou qualquer outra coisa assim, mas pra mim, são mesmo alienígenas, ou seja, gente estranha que escolheu o mal para viver em si.

E vamos em frente porque atrás de nós vem um monte dessa gente !!

14 comentários:

  1. É ALice querida... O que fazer quando a maioria dos bons são uns bananas...

    Bjs

    Danilo

    ResponderExcluir
  2. Alice, minha querida!

    Infelizmente você está coberta de razão!
    E o pior, é que eles estão em nosso meio...

    "Vejo gente estranha que vive a vida dos outros sugando valores que não são seus, sugando amores que não são seus, sugando o sangue e a alegria alheia."

    Que o Senhor tenha misericórdia de nós, e destes infelizes!

    Tenha uma seman abençoada, linda!

    Adoro vocês!

    beijocas carinhosas,

    Neli

    ResponderExcluir
  3. Fabuloso, seu blog. Parabéns. Já estou seguindo, e ainda coloquei o link lá no meu blog.
    Quando puder, faça-nos uma visita.
    www.hermesfernandes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. "são mesmo alienígenas"

    essa foi a melhor resposta para estes seres podres e sem coração... é lamentável saber que dividimos com eles nossos segredos, amor, e afeto, e depois somos apunhalados pelas costas... mas você tem toda razão Alice, é hora de reagir, de dar o pago... e Deus é o caminho mais perfeito...!

    e te gosto
    e te vejo e beijo

    saudades de tu,
    do seu menino-homem-que-ao-seu-lado-é...

    ResponderExcluir
  5. Esse tormento é algo difícil mesmo... mas ainda tento separar as pessoas das influências perversas a que todos estamos sujeitos.
    Afinal já atormentei e já fui atormentado por todos que classifiquei como "pessoas lindas, amáveis, queridas, doces, fiéis e amigas" - sem exeção. Mas sempre nos reconciliamos...
    Confesso, todavia, que para um ou outro não há outra saída se não o total afastamento, trocar de calçada, dar meia volta e fazer de tudo para evitar um encontro. Quando este fatalmente acontece, e geralmente acontece quando estamos menos preparados fico sem ação ou reação. Geralmente sou atropelado e mal consigo anotar a chapa!

    ResponderExcluir
  6. É, Alice,

    Já passei por tantas, por tantas traições, depois de ajudar até mais do que podia e/ou devia, que peço a Deus que me dê muiiita Sabedoria para saber até onde ajudar, no que... a hora de me afastar...

    Perdoar, sim, mas não fazer o papel de "otária" eterna!!!

    O pior é que não são alienígenas... são lobos em pele de ovelhas...

    Mas como disse a minha irmã, após um desabafo meu, "faz parte da condição humana"

    Triste realidade, mas assim é...

    E quando isto acontece, sei que da minha parte tentei falar de deus, da Sua palavra... e se mesmo assim não fui compreendida e ainda enganada ou tida como uma "bossal", pior para ela, pois a Deus pertence a justiça!

    Então peço a Deus que lhes faça segundo o seu coração, e Ele sabe a real intenção do coração delas.

    Mas confesso que isto ainda me entristece...

    bjs, e força!!!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Alice!

    Parece-me que o tipo de pessoas no tempo de Jesus, que a Bíblia nos deixa como exemplo de seres irreconciliáveis, filhos de Satanás, seriam os fariseus, os saduceus, enfim, religiosos que o próprio Cristo condenou e ainda condena em nossos dias.

    Todos nós, como diz o Roger, em algum dia já atormentamos alguém, ou alguéns. Tivemos a nossa "ficha preta".

    Ninguém está livre da prática do mal, e nem do perdão gracioso, quando há arrependimento verdadeiro.

    Acredito eu, que sempre haja "o tempo do perdão", para aquele que realmente deseja ser perdoado.

    Muito embora exista o perdão, às vezes a convivência, torna-se impossível...

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. E pior que essa gente "sugadora" é bem humana mesmo. Capaz dos alienígenas serem mais respeitosos e amigáveis que nós seres humanos.

    ResponderExcluir
  9. Olha... tenho que falar uma coisa, e isso vai ser dificil, mas serve pra mim.
    Lendo esse texto, que é maravilhoso e puramente real, não pude deixar de pensar:"Epa! E se esse alienigena sou eu?", ou entao "e se eu acabei me tornando como esses alienigenas?"
    Tenho que admitir, me peguei pensando nisso e estou realmente espantado.
    É forte.Muito.

    ResponderExcluir
  10. hola!
    pasaba a invitarte a mi caja..
    un abrazo!

    ResponderExcluir
  11. Seu texto é repleto de verdades. E o pior que os alienigenas as vezes se vestem de anjos para nos encantar.Chegamos até a acreditar que eles tem asas.

    Beijosssssssssss

    ResponderExcluir
  12. É Alice, a coisa tá feia, e o pior ou melhor disso tudo, não sei dizer, é que Deus ama todos de igual forma, e pior ainda ou melhor é que devemos amá-los tbem. E isso passa por uma, palavra "liberdade". Estou com isso na mente faz um tempão: " Verdadeiramente sereis livres", a que vem de dentro, ai estaremos prontos para: "Pai, perdoa pois não sabem o que fazem".

    ResponderExcluir
  13. Alice, dá uma lida lá no meu site:

    www.cronicasaoentardecer.com.br,

    no meu último post, que fala sobre o "Meu Casulo", que não deixa de ser uma reflexão sobre esta coisas, que nos abalam de alguma forma... E me diga o que você acha...

    bjs

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...