24 de junho de 2011

Sonhos Estranhos



Sonhos estranhos povoaram minha mente nessa noite.
Aflitivos, enigmáticos, amedrontadores mas não como pesadelos e sim como mistérios.
Sonhos do inconsciente, sonhos da alma ou sonhos de Deus?
Sonhos sob pressão, resultantes de preocupação, ou simplesmente sonhos?
Há mistérios que para mim nem a melhor explicação da ciência satisfaz.
Corro e me agarro a fé, que é o que mais me satisfaz e sustenta, e oro, pedindo ao Pai que sejam apenas sonhos, simplesmente sonhos.
Nada mais.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...