20 de março de 2015

Humano

Ser
Aquele que é
Que faz, que laça
O aço e a massa
Ser
Tem fé
Pra poder sorrir, parir e seguir
Ser
É
O que foi, o que vive
A mentira , o vento e o intento,
O desprezo , a sobra, a cobra e o molejo
A paixão, compaixão, o tesão.
Caixão.
Ser,
Era, foi, passou , acabou,
E o vento levou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...