20 de março de 2009

Na Viração do Dia

E eu aqui ... sentada de frente pra minha vida
a olhar esse sol que está sempre de partida
e a contemplar as cores que tingem na minha lembrança
a certeza de que encontrar-Te não será só uma esperança...

E eu aqui... com esse nó no peito e essa saudade imensa
com essa expectativa e a certeza de minha crença
que na próxima "viração do dia"
Tu virás e me encherás de alegria...

E então... eu aqui abrirei meus braços
e me lançarei em Ti num grande abraço
e com muita alegria e findado o medo
contarei a Ti todos meus segredos...

E então...de mãos dadas novamente caminharemos
e contemplaremos Suas Obras e Seus Caminhos
...e nunca mais estarei eu aqui,
sozinho.

Todo fim de tarde sempre me arde essa saudade...
Maranata...

7 comentários:

  1. Maranata, ora vem, Senhor Jesus!

    Alice,

    Lindos versos. Você conseguiu traduzir não apenas sua esperança, mas de todos aqueles que após conhecerem Jesus, tem o sonho de estar "frente a frente" com Ele.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Sim, minha amiga, faço coro com você: MARANATA, VEM SENHOR JESUS!

    E seu poema foi como um bálsamo para minha alma.

    Fraterno abraço do amigo Gilbamar.

    ResponderExcluir
  3. Olá querida! Quanto tempo não passo por aqui!

    Está tudo muito lindo por aqui!


    Beijos.

    Fica com Deus!

    ResponderExcluir
  4. "A minh'alma tem sede de Deus", né, Alice! E quando dá aquele apertozinho lá dentro, só mesmo fechando os olhos e indo encontrar com Ele lá dentro de nós.

    "Mesmo escura a noite,
    brilhe a tua luz.
    E em teus braços eu descanso,
    meu Senhor Jesus"...

    Beijinho pra você, bom descanso!

    Talita

    ResponderExcluir
  5. .... e Ele volta um dia pra nos buscar, e o mundo se surpreenderá...

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...