13 de novembro de 2009

Observatório


É um trem que apita
é a fila de espera
é a criança que grita
é o olhar da fera
É o fato de fato
é o ato do ato
é o nó sem o laço
é pouco rato engolindo gato
e muita gente que só engole sapo
É o clima que esquenta
é a chama que arde
é o outro que tenta
e a gente é que aguenta!

É a vida...

(que de tão louca)
as vezes me parece lenta...


3 comentários:

  1. Bom dia!

    Amanhã, 16 de Novembro é o aniversário do João Menéres.
    Gostaria muito que nos unissemos para o parabenizar.
    Para tal, estamos a combinar fazer uma postagem com a foto dele (que segue em anexo), acompanhada da mensagem de parabéns que cada um gostaria de lhe enviar.Assim, quando ele abrir o Grifo o sidebar dele estará preenchido com a sua foto. Ele vai adorar.....(acredito eu!).
    Sugiro a hora de publicação se programe para as 6h00, horário de Portugal Continental.

    Por favor, divulguem por todos os que são amigos do João. Obrigada!

    Votos de um excelente domingo, antecipadamente grata pela vossa colaboração,

    Luísa

    ResponderExcluir
  2. QUERIDA ALICE UM BELO DOMINGO, SÃO OS MEUS VOTOS, SINCEROS...!
    QUANTO Á IDEIA PARECE-ME BONITA...
    ABRAÇOS DE CAERINHO E TERNURA,
    FERNANDINHA

    ResponderExcluir
  3. Amei o título, muito apropriado.
    Poesia cheia de movimento como é a própria vida. Parabéns!

    Não sei se você já conhece, mas aproveito pra te convidar a conhecer meu blog de poesias Caminho de Rosas, www.poesiaemrose.blogspot.com

    Com carinho,

    Roselane

    ResponderExcluir

Comente, mas não tente decifrar-me.
Nem sempre escrevo por mim, muitas vezes escrevo para mim também...